Especialistas em sistemas de medição fasorial sincronizada visitam Cepel

27/02/2014

 

No dia 19 de fevereiro, o Cepel recebeu a visita dos especialistas em sistemas de medição fasorial sincronizada, Ken Martin e Frank Carrera, do Electric Power Group (EPG). O tema vem recebendo grande atenção por parte do setor elétrico, em nível mundial, devido aos benefícios que sua utilização traz aos processos envolvidos nos sistemas de monitoramento, controle e proteção de sistemas de potência de grande porte.

 

Os especialistas vieram ao Centro a convite do pesquisador Nelson Martins, assistente da Diretoria Geral, que ressalta “Ken Martins e a Bonneville Power Administration (BPA), sua empresa de origem, são protagonistas ilustres na história da criação das PMUs (sigla, em Inglês, para Unidade de Medição Fasorial Sincronizada) e na viabilização dos WAMS (sigla, em Inglês, para Sistemas de Monitoração Fasorial Sincronizada de Grandes Redes Elétricas)”.

Devido ao interesse dos departamentos de Tecnologias de Distribuição (DTD), Automação de Sistemas (DAS) e Redes Elétricas (DRE), foi realizada reunião com apresentações e debates. Os depoimentos dos pesquisadores do Cepel presentes na reunião refletem a atualidade do tema e a excelência técnica dos visitantes.

“Os especialistas do EPG demonstraram grande conhecimento e envolvimento com o tema. Além disso, apresentaram em detalhes a solução do EPG para concentração de dados fasoriais, o que nos causou excelente impressão”, diz o pesquisador Cesar Bandim (DTD).

 

“Ken Martin e Frank Carrera abordaram em profundidade vários aspectos relacionados a sistemas de medição fasorial sincronizada, como certificação de laboratórios, normas aplicáveis envolvendo unidades de medição fasorial e aplicações já desenvolvidas pelo EPG tendo como base a medição fasorial”, complementa o pesquisador José Eduardo Alves (DTD).

 

Conhecimento e troca de experiências

 

O pesquisador Luiz Correa Lima (DAS), um dos responsáveis pelo projeto SAGE (Sistema Aberto de Gerenciamento de Energia), ressalta como um dos pontos altos da reunião o detalhamento sobre o PDC (Phasor Data Concentrator), produto principal do EPG, e sobre os aplicativos computacionais que o complementam.

“O Cepel apresentou os requisitos para integração com um sistema de supervisão de centros de controle, mais especificamente o SAGE. Houve um entendimento mútuo sobre os tipos de aplicativos mais adequados e seus requisitos para exploração das medições fasoriais no ambiente de centros de controle e no PDC”, explica. De acordo com o pesquisador, os resultados das discussões serão úteis ao Centro no direcionamento dos próximos desenvolvimentos no âmbito do SAGE e ainda em um eventual suporte ao processo de decisão do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) na instalação de sua rede de medidores fasoriais e aplicativos de apoio à operação.

 

“Ken Martin e Frank Carrera são profissionais que, pelo conhecimento relacionado à medição fasorial, podem ser considerados detentores de tecnologia e comandantes no processo de implantação dos PMUs em nível mundial”, diz Ricardo Ross, chefe do DTD.

 

Segundo Ross, como o Cepel está se preparando para instalar um Laboratório de Medição Fasorial em 2014, há muito a aprender e compartilhar a partir da experiência destes renomados profissionais. Dentre os exemplos enriquecedores trazidos pelos palestrantes, o chefe do DTD cita as características dos atuais Concentradores de Dados de PMUs (programas computacionais conhecidos pela sigla PDC), bem como os programas de visualização de dados de medição fasorial.

 

A opinião de Ross é corroborada pelo pesquisador Marco Antônio Rodrigues (DAS). “A visita de Ken Martin e Frank Carrera foi extremamente valiosa, pois eles têm um vasto conhecimento em diferentes aspectos da tecnologia de sincrofasores, varrendo a teoria básica e as principais fontes de erro, detalhes de construção de PMU e de implantação prática de sistemas completos (PMU, PDC, armazenamento de dados, softwares de análise de eventos e de monitoração da rede de medição)”, diz, acrescentando que Martin tem trabalhado nessa tecnologia desde seu início e está envolvido no desenvolvimento das principais normas técnicas pertinentes.

 

A visita dos especialistas do EPG também foi bastante proveitosa para o DRE, conforme explica o pesquisador Flávio Rodrigo de Miranda Alves, chefe do departamento: “Ainda não utilizamos dados de medição fasorial nos programas para operação e planejamento de sistemas elétricos de potência desenvolvidos pelo DRE, mas a apresentação dos especialistas do EPG propiciou um melhor entendimento do assunto e algumas ideias sobre como fazer isso no futuro."

 

Ken Martin e Frank Carrera mostraram-se muito satisfeitos com a vinda ao Cepel e convidaram os pesquisadores do Centro para conhecerem pessoalmente o Electric Power Group e suas atividades.